Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

com a cabeça entre as orelhas

com a cabeça entre as orelhas

31
Mar19

Passeamos de mãos dadas...

BADDD7DC-3A4B-420F-B698-C53014C0C2D8.jpeg

 

Passeamos de mãos dadas por pontes pautadas pela história do nosso passado em ruínas. De longe é possível avaliar os passos em falso, enquanto os nossos são leves, saltitando pela memória do que não é.

Pudesse eu dizer-te tudo o que vi, tudo o que viste. Pudesse eu dar voz a todas as vontades abafadas. Melhor: pudesses tu ouvir.

Mas assim, quando fecho os olhos respirando a paz da história terminada, continuo a ver-nos a saltitar por pontes de pautas, de notas, de música perdida.

30
Mar19

Constância.

9571D482-F9CD-4276-A7D2-BDF0446C85C7.jpeg

 

Constância. O ritmo lento, mas mantido, que me irá levar a algum lugar mais tranquilo de forma consistente. Ou apenas a consciencialização da tentativa. 

Gostaria de dizer que não encontro tempo no que sobra de tempo para ti; mas encontro. Em cada palavra silenciada; em cada olhar por partilhar; em cada mágoa revisitada. E volto a avançar; porque, como ontem me dizia uma amiga, é irrelevante se é ou não é, se acreditamos ou não, estará a acontecer independentemente da nossa vontade. O quê? A vida, talvez.

Noutra nota, gostei do que aprendi hoje... ou da possibilidade de achar que consigo chegar às mesmas conclusões aos poucos, por mim; embora seja sempre melhor partilhado. Trilhando o caminho do “how to be good” abandonado a um terço há uns anos atrás.

29
Mar19

Madagáscar.

534FB238-73BB-467F-844B-B0901EE2AEED.jpeg

 

Madagáscar.

Não sei porquê; nem sei ao certo como.

O meu pai disse-me um dia, enquanto eu tremia em cima de um escadote (ou seria um andaime?) que não faz mal ter medo, o importante é ultrapassá-lo. E eu tenho medo. Tenho tanto medo.

Haverá alternativa, se não enfrentá-lo a todo de uma só vez ou aos poucos e depois todo de uma vez só, quando o horizonte são sonhos esmagados por medos... porque não avançar neste?

Madagáscar... não sei mesmo como; mas talvez anteveja o porquê.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D