Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

com a cabeça entre as orelhas

com a cabeça entre as orelhas

14
Abr19

Enquanto o gato dorme...

D0FE7422-524C-4F16-8832-30790EE308E8.jpeg

 

Enquanto o gato dorme no meu colo, enrolado e entregue a uma paz invejável, oiço Rodrigo Leão e volto atrás no tempo. Sinto-me novamente com 17 anos, quando o mundo parecia possível e a música era etérea; ainda hoje é magia.

Nas duas décadas passadas, se cair no erro de olhar de relance, parece que não saí do mesmo sítio. Continuo a criatura estranha, sem camuflagem possível em relação ao meio envolvente. A diferença visível nas rugas, no olhar cansado e, por vezes, desprovido de brilho de quem já amou e perdeu, perdeu e achou...

Continuo à procura de um caminho, de um sentido, sabendo e aceitando que nunca conseguirei camuflar-me e ser igual, socialmente correcta ou consensual. Essa é parte que (já) não importa.

Mas caramba!, parece que continuo com 17 anos; as dores parecidas, os padrões repetidos. Tenho agora mais certezas de por onde ir, mas tenho a sensação que passarei a vida a caminhar... para onde?

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D